(11) 4492-2471
(11) 2449-3674
(11) 97204-6530

Sétima geração do sedã desembarca do México em duas versões com o mesmo motor 1.4 turbo flex e câmbio automático Tiptronic de seis marchas

Volkswagen começa a vender em outubro a nova geração do Jetta, revelada no início deste ano no Salão de Detroit (EUA). O sedã médio desembarca do México em duas versões e totalmente renovado, exceto a mecânica, que mantém o motor 1.4 turbo e o câmbio automático Tiptronic de seis marchas. A versão de entrada Comfortline 250 TSI parte de R$ 109.990, enquanto a topo de linha R-Line tem preço sugerido de R$ 119.990. Confira o vídeo com a avaliação do sedã logo abaixo.

Movido apenas a gasolina no Jetta anterior, o motor 1.4 turbo passa a vir em versão flex, mas sem alterar o desempenho. São 150 cv e 25,5 kgfm de torque disponível entre 1.400 e 3.500 rotações. Com este conjunto a Volkswagen informa um zero a 100 km/h em 8,9 segundos e velocidade máxima de 210 km/h.

A mecânica recebeu classificação B no Programa Brasileiro de Etiquetagem Veicular do Inmetro, com médias de 10,9 km/l e 14 km/l com gasolina, e de 7,4 km/l e 9,6 km/l com etanol (cidade/estrada).

Quem é fã do sedã perceberá que o novo Jetta não oferece mais a versão Highline, equipada com o potente 2.0 turbo de 211 cv. Por enquanto não há previsão de o modelo oferecer opção com o motor de dois litros — é algo para 2019.Uma das principais mudanças no sedã é a adoção da plataforma modular MQB, já utilizada por outros modelos da marca, como Golf e Tiguan. A arquitetura é mais leve e permitiu crescer as dimensões gerais, com destaque para o entre-eixos, que ganhou quatro centímetros e agora alcança os 2,69 metros, ficando alinhado em tamanho com os 2,70 m dos rivais Chevrolet Cruze, Honda Civic e Toyota Corolla. Só o porta-malas segue igual, com os mesmos (e ótimos) 510 litros.

Nesta nova geração, o Jetta dá um passo à frente em sofisticação face o antecessor. Além das medidas maiores, que ampliaram o espaço na cabine, o sedã exibe maior refinamento interno em relação aos materiais e tecnologias.

A lista de série é robusta, e traz de saída itens como ar-condicionado de duas zonas, faróis e lanternas full led, seis airbags (duplos frontais, laterais dianteiros e de cortina), rodas de liga leve aro 16, bancos revestidos de couro, bloqueio eletrônico do diferencial, ESP, sensores de obstáculos, controle de estabilidade e até um sistema de frenagem de manobra, que promete minimizar ou até impedir aquelas batidas de garagem. A central Discover Media também é de série no Comfortline

Publicada em 15/10/2018 - 10:18 por https://revistaautoesporte.globo.com/Noticias/noticia/2018/09/volkswagen-jetta-preco-versao-2019.html